Em: 21 de dezembro de 2017

Setor de Endemias de Itajá faz balanço positivo sobre o trabalho de combate as endemias em 2017

Encerrados os seis ciclos ano base 2017 no município, nenhum caso notificado de Dengue, Zika e Chikungunya. Itajá se tornou um dos poucos municípios do RN com índice de infestação predial “Zero” durante os ciclos trabalhados, no LIRA LIA (levantamento rápido do índice de infestação), nenhum foco do mosquito transmissor da Dengue foi detectado em Itajá.

                Também foi realizado o trabalho de doenças de Chagas nos bairros periféricos e em várias comunidades rurais na captura e borrifação do barbeiro (bicudo). Outro serviço realizado pelo setor de endemias foi o do calasar, onde vários cachorros foram submetidos ao teste rápido para diagnosticar se o animal estava infectado.

                Dando encerradas as atividades do ano letivo, o coordenador de endemias o Senhor Francisco Neto de Oliveira agradece a população itajaense pela colaboração com o trabalho dos profissionais e acrescenta os agradecimentos aos Agentes de Endemias pelo compromisso e pede aos mesmos para que em 2018 esse compromisso seja dado continuidade para que os resultados positivos sejam sempre alcançados.