O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Em: 30 de julho de 2019

ITAJÁ ARRECADA MAIS DE R$ 5 MIL REAIS PARA O FIA.

A equipe da Secretaria de Assistência Social de Itajá juntamente com o CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) contabilizou, no 1º ano de campanha, uma arrecadação no valor de R$ 5.893,91 na conta do Fundo da Infância e Adolescência – FIA de Itajá.

Os recursos arrecadados são provenientes de doações realizadas através do Imposto de Renda que será utilizado exclusivamente para as crianças e adolescentes do município, com atividade que estão contidas no Plano de Ação.

A secretária municipal de Assistência Social, Danyelle Lopes, comemorou o resultado positivo da campanha realizado em favor do Fundo da Infância e Adolescência. “Para o 1º ano de campanha, tivemos um resultado positivo. O FIA é um fundo público que tem como objetivo financiar projetos que atuem na garantia da promoção, proteção e defesa dos direitos da criança e do adolescente. Os recursos são aplicados exclusivamente nesta área com monitoramento do CMDCA. A destinação pode ser feita no momento da declaração do Imposto, sem nenhum ônus ao contribuinte. O valor arrecadado é destinado para as atividades e projetos que estão contidos no Plano de Ação do FIA, ao invés de ir direto para a União,” afirmou a gestora municipal.

Para o próximo ano, a presidente do CMDCA, Arlinda Macêdo, afirmou que o Conselho Municipal já planeja realizar uma campanha de arrecadação mais forte com ações e estratégias para aumentar o valor arrecadado. Arlinda Macêdo enfatizou também que todo contribuinte que tem imposto a pagar ou restituir e utiliza o modelo completo de declaração pode destinar até 3% do seu Imposto de Renda no ato da declaração anual de ajuste, já as pessoas jurídicas podem doar até 1% do Imposto de Renda ao FIA. A destinação não tem custo e é calculada e efetuada diretamente no programa da Receita Federal, no momento do preenchimento da Declaração de Ajuste, com a emissão e pagamento da DARF.